quarta-feira, 8 de abril de 2009

"A vida te dá uma rasteira...


...você cai, tropeça, o sonho borra a maquiagem, o coração se espalha. Você sente dor, perde o rumo, perde o senso e promete: paixão, nunca mais. Você sente que nunca irá amar alguém de novo, que amor é conversa de botequim, ilusão de sentido, que só funciona direito para fazer música, poesia e roteiro de cinema. e você inventa um amor pra distrair (Nic Cester -q). Um amor pra ins-pirar, um amor pra trans-pirar. Uma paixão aqui, um quase-amor ali... (...) Sua imaginação te preenche, suas amigas te dão colo, vodka e dias incríveis, e a vida segue... feliz" :)

Nenhum comentário: